RBTC

Pesquisar
Publicação semestral da Federação Brasileira de Terapias Cognitivas (FBTC)

Vol. 13 nº 2 - Jul. / Dez.  de 2017

Estudo de Caso

Páginas 76 a 83

A Influência das Distorções Cognitivas no Comportamento Altruísta

The Influence of Cognitive Distortions on Altruistic Behavior

Autores: Stèphanie Krieger1; Eliane Mary de Oliveira Falcone2

PDF Português       Texto em português

Descriptores: Altruísmo; Altruísmo Patológico; Distorções Cognitivas.

Keywords: Altruism; Pathological Altruism; Cognitive Distortions.

Resumo:
Esta é uma revisão narrativa com o objetivo de descrever o conceito de altruísmo patológico e discutir a influência das distorções cognitivas em sua manifestação. O altruísmo é um comportamento voluntário direcionado para ajudar alguém, no qual o altruísta incorre em risco ou custo e não visa recompensas externas. A motivação altruísta de ajuda é originada pela empatia, habilidade que requer uma avaliação adequada da situação do outro, bem como o compartilhamento emocional e expressão comportamental, verbal ou não verbal. Percepções distorcidas podem desencadear uma forma disfuncional de altruísmo, o qual, apesar de ter o objetivo de aumentar o bem-estar do outro, acaba prejudicando-o ou não sendo útil. Dessa forma, nenhum dos envolvidos são beneficiados. Crenças distorcidas que originam culpa, o senso de responsabilidade pelo bem do outro, dificuldades em perceber pistas sociais e dificuldade em regulação emocional parecem ser os principais fatores relacionados a esse comportamento, podendo gerar um padrão compulsivo. Assim, intervenções, com fim de tratamento e/ou prevenção poderiam ser pensadas para pessoas com esse funcionamento, beneficiando o indivíduo e suas relações interpessoais.

 
RBTC RBTC RBTC
Federação Brasileira de Terapias Cognitivas - FBTC
Rua Camargo Paes, 538 - Guanabara - CEP 13073-350, Campinas - SP - Fone: (19) 3241-0032 GN1